Connect with us

portal Condeúba

politico

Veja como votaram os deputados de MS no projeto de terceirização irrestrita

caaraponews

Deputados chegaram a protestar contra o projeto

Quatro deputados federais de Mato Grosso do Sul votaram contra e três a favor da proposta que regulamenta a terceirização e o trabalho temporário no País, aprovada esta noite (22) pela Câmara.

Os deputados Dagoberto Nogueira (PDT), Mandetta (DEM), Vander Loubet (PT) e Zeca do PT foram contra e Elizeu Dionizio (PSDB), Tereza Cristina (PSB) e Geraldo Resende (PSDB) a favor. Na lista da Cãmara não consta o voto de Carlos Marun (PMDB).
Durante a sessão, na Câmara Federal, os petistas Zeca do PT e Vander Loubet chegaram a protestar contra o projeto com bonecos infláveis no formato de pato. O pato foi utilizado como campanha da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) durante o processo de impeachment da então presidente Dilma Rousseff.

Entre outras coisas, o projeto de lei (PL 4302/98) permite a terceirização até da atividade-fim de uma empresa. Ou seja, uma escola poderá terceirizar não apenas o serviço de limpeza, mas a contratação de seus professores, por exemplo. Ainda falta a análise de destaques que podem alterar pontualmente a proposição apoiada pelo governo.

Continue Reading
You may also like...

Deixe seu comentário

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

More in politico

To Top
seja bem vindo no watzap do portal condeuba