Connect with us

portal Condeúba

Guajérú

Gil Rocha pede agilidade na construção de adutora que beneficiará Guajeru e Rio do Antônio

Em encontro com o governador Rui Costa, prefeito apresentou demandas e pediu agilidade em obras da adutora.

Encontro aconteceu no último sábado durante a visita do governador Rui Costa a Licínio de Almeida.

No último sábado, 04 de fevereiro, em encontro com o governador Rui Costa, em Licínio de Almeida, o prefeito de Guajeru, Gil Rocha, pediu urgência nas obras de construção da adutora que interligará a barragem do município de Rio do Antônio à barragem do Truvisco, em Caculé.

Na ocasião o prefeito apresentou, junto ao governador e ao secretário de Infraestrutura Hídrica da Bahia, Cássio Peixoto, as dificuldades que os municípios, tanto de Guajeru quanto de Rio do Antônio, têm enfrentado com longos períodos de estiagem e a consequente escassez no abastecimento de água na barragem de Rio do Antônio, que compromete, de forma preocupante, o fornecimento de água a centenas de famílias dos dois municípios.

Segundo informações passadas ao prefeito por Cássio Peixoto, o projeto pra execução da obra da adutora já foi aprovado pelo MI – Ministério da Integração e segue os trâmites legais para licitações e em breve as obras serão iniciadas. Para o prefeito a notícia é motivadora: “Essa sem dúvida é uma boa notícia para as famílias que estão dependendo da obra para manterem o abastecimento de água, tendo em vista que em breve a barragem de Rio do Antônio estará seca, isso nos preocupa e faz com que tenhamos urgência pela construção desse sistema”, destacou.

Barragem do Rio do Antônio: Baixo nível do reservatório compromete o abastecimento.

O prefeito Gil Rocha acrescentou que essa luta pela melhoria no abastecimento de água à população do município se iniciou em 2013, com a construção da primeira etapa da adutora ligando Rio do Antônio a Guajeru, inaugurada em 2014 pelo então governador Jaques Wagner e que contou com o apoio dos deputados Waldenor Pereira e Zé Raimundo, mas que a luta continua na busca da conclusão da segunda etapa do sistema.

Na oportunidade o prefeito Gil Rocha também apresentou outras demandas do município ao governador como a abertura e instalações de poços artesianos e ampliação de sistemas simplificados de abastecimento, ambos como medidas de enfrentamento da seca. “Iniciamos um ano com poucas chuvas e isso nos deixa preocupados, sabendo que já passamos por crises em virtude dos períodos de seca, por isso estamos nos antecipando e buscando ações que minimizes estes problemas”, reforçou.       fonte:informecidade

Continue Reading
You may also like...

Deixe seu comentário

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

More in Guajérú

To Top
seja bem vindo no watzap do portal condeuba