Connect with us

portal Condeúba

Brasil

Brasil faz acordo automotivo de 8 anos com a Colômbia e vai zerar tarifas de importação

Brasil e Colômbia fecharam diversos acordos importantes nesta sexta-feira (9), durante a primeira visita de Estado da presidenta Dilma Rousseff ao País. Um deles é o acordo automotivo de oito anos, que vai antecipar de 2018 para 2016 a tarifa zero para a importação de veículos entre os dois países.

O acordo estabelece que a tarifa de importação será de zero para até 12 mil veículos em 2016. Em 2017, a taxa zero valerá para 25 mil e abrangerá 50 mil unidades a partir do terceiro ano. A presidenta Dilma destacou, na ocasião, que o comércio bilateral entre Brasil e Colômbia vem crescendo aceleradamente.

A Colômbia tem expectativa de crescer acima de 4% neste ano e já é o terceiro maior mercado da América do Sul. No entanto, o País ocupa uma modesta sétima colocação em termos de parcerias comerciais com o Brasil – situação que agora deve começar a mudar já que, segundo a presidenta, os acordos firmados hoje vão gerar mais renda e emprego para os dois países.

“Em 2014, o intercâmbio comercial bilateral passou de US$ 1,5 bilhão a US$ 4 bilhões. São 165% de crescimento. Acredito que é apenas o início de um processo que, sem sombra de dúvida será vantajoso para os povos e para a economia de nossos países. Vai gerar mais emprego, vai gerar mais renda”.

Ela acrescentou que as iniciativas são importantes principalmente em um quadro em que a situação dos países do mundo é de dificuldade. “Principalmente porque vivemos o fim do chamado supercíclo das commodities. Todos os nossos países dessa região foram afetados”, lembrou.

Outros acordos

Dilma e o presidente colombiano Juan Manoel Santos assinaram nesta sexta-feira uma série de acordos bilaterais em áreas como cooperação industrial e de serviços bancários, investigação científica, cooperação policial, comunicação, esportes, temas de interesse indígenas e transportes fluviais.

Firmaram ainda o primeiro Acordo de Cooperação e Facilitação de Investimentos, para promover o investimento mútuo e criar mecanismos de prevenção de conflitos, permitindo também que o Brasil e ao Mercosul avancem nas relações com a Aliança Pacífico.

Brasil e Colômbia divulgaram uma declaração conjunta sobre mudanças no clima, com vistas à 21ª Conferência das Partes da Convenção das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (COP21), que será realizada em dezembro, em Paris. O objetivo de Dilma e Santos é o de proteger a megadiversidade da Amazônia, que é compartilhada pelos dois países.

Continue Reading
You may also like...

Deixe seu comentário

More in Brasil

To Top
seja bem vindo no watzap do portal condeuba